Veja o que levar em conta na compra de um computador

Publicado: 6 de outubro de 2008 em E-commerce

Treze milhões. Esse deve ser o número total de computadores vendidos no Brasil até o final do ano, segundo a Abinee (Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica).

Com facilidades de pagamento e preços cada vez mais convidativos, é difícil resistir às ofertas de notebooks e desktops que se multiplicam em anúncios.

Em primeiro lugar, porém, o consumidor deve levar em conta suas necessidades. Quem pretende rodar jogos modernos vai precisar de uma boa placa de vídeo, um processador potente e bastante memória.

Já quem irá se dedicar somente a tarefas leves, como navegar na internet e escrever textos, não precisa de uma configuração tão robusta. Mas isso não quer dizer que qualquer PC sirva –ainda se vendem micros com processadores lentos, discos rígidos de pouca capacidade e memória RAM insuficiente, entre outras características indesejáveis.

Por isso, é bom ficar atento na hora da compra para não ter decepções com a performance do micro nem precisar fazer um upgrade (atualização de componentes) tão cedo.

Atente-se às características do processador. Prefira computadores com chip de núcleo múltiplo, como Athlon 64 X2, da AMD, e Core 2 Duo e Pentium Dual-Core, da Intel. “A tendência é que haja cada vez mais programas que fazem uso dos dois núcleos”, explica o engenheiro eletrônico Laércio Vasconcelos (www.laercio.com.br), autor de livros de informática como “Hardware na Prática”.

De memória RAM, o ideal é ter pelo menos 1 Gbyte. Um valor confortável para usar o exigente Windows Vista, sistema operacional mais recente da Microsoft, é 2 Gbytes, quantidade que propicia um bom ganho de performance.

Fique atento ao tamanho do disco rígido, principalmente se você pretende guardar muitos arquivos, como fotos, músicas e vídeos. Um bom valor para começar é 160 Gbytes. Mas já é possível encontrar micros com 250 e até 500 Gbytes a R$ 1.500, aproximadamente.

Embora isso seja cada vez mais raro, ainda há PCs à venda com leitor óptico que lê DVD, mas grava apenas CD. Evite-os –um CD gravável suporta apenas 700 Mbytes de dados, ante 4,7 Gbytes de um DVD.

Gamers precisarão de uma placa de vídeo com pelo menos 256 Mbytes de memória. Placas de vídeo separadas da placa-mãe (off-board) costumam ter melhor performance, mas, segundo Vasconcelos, algumas incluídas atualmente na placa-mãe (on-board) também podem satisfazer. “Vídeo on-board de bom desempenho são da Nvidia, da Intel e da AMD. Dá até para rodar jogos 3D razoavelmente, desde que não sejam muito pesados”, afirma.

Diferenciais

Observe também os extras que o micro oferece. Leitores de cartões de memória e portas USB frontais (em desktops) são bons diferenciais. Se o lugar onde você mora ainda não tem acesso a banda larga, certifique-se de que o micro que você comprará tem modem para conexão discada.

Créditos e Fonte do Post: www.folhaonline.com.br

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s