Comprar só pelo menor preço pode sair caro

Publicado: 13 de dezembro de 2008 em Comércio Eletrônico (E-commerce)

Cerca de 10% das pessoas que comprarem online neste Natal não receberão a encomenda. A estimativa é de Mauricio Vargas, diretor-geral do Reclame Aqui (www.reclameaqui.com.br), site que já recebeu neste ano mais de 200 mil reclamações.

O principal motivo, segundo ele, é que “muitos consumidores acabam se guiando apenas pelo menor preço na hora da compra”. Mas o que isso tem de mau? “Lojas fraudulentas usam do suposto menor preço para se destacar e chamar a atenção dos internautas que costumam usar ferramentas de comparação de preços”, explica Vargas.

Para você não cair nesta armadilha, sites como o da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (www.camara-e.net/e-consumidor) e o e-bit (www.tinyurl.com/dicasebit) fornecem dicas para fugir dos golpes. O e-bit (www.ebit.com.br) disponibiliza ainda um ranking das lojas mais confiáveis avaliadas pelos consumidores e separadas por segmento de produto.

Todo mês mais de 17 milhões de usuários passam pelo site de comparação de preços Buscapé (www.buscape.com.br) – o mais usado do País. Mas a ferramenta apenas reúne os preços de diversas lojas, ou seja, não tem nada a ver com a venda propriamente dita. “Temos aumentado a rigidez na hora de incluir novas empresas no site, mas a relação de compra é entre o internauta e a loja, não temos nenhum envolvimento. Logo, o Buscapé não dá nenhuma garantia”, explica Rodrigo Borges, diretor do site.

Para evitar pagar e não receber, uma dica são os serviços de pagamento eletrônico, como o PagSeguro (www.pagseguro.com.br) e o Pagamento Digital (www.pagamentodigital.com.br), o último ligado ao Buscapé. O consumidor, ao comprar em lojas que aceitam o serviço, tem a garantia e a segurança de que, no caso do não recebimento da mercadoria, o dinheiro será devolvido. B.G. e M.V.B.

NÃO MARQUE BOBEIRA
Pedro Guasti
Diretor do e-bit
“O consumidor precisa fazer a parte dele, não pode ser ingênuo.”

Maurício Vargas
Diretor do Reclame Aqui
“Guiar-se apenas pelo menor preço pode ser um erro.”

Fonte: Estado de São Paulo

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s