Entidades nacionais ligadas ao e-commerce, como a Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e a Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Camara-e.net), projetam aumentar a participação das micro, pequenas e médias empresas para até 30% do mercado nacional deste setor até 2010.

Se a meta for alcançada, os ganhos previstos ficariam na casa dos R$ 15,4 bilhões, informa o DCI.

Atualmente, existem mais de 16 mil lojas virtuais em funcionamento no país, mas as 18 maiores são responsáveis por 80% do volume de vendas geradas.

Para fomentar o crescimento das pequenas, a aposta é na comercialização de livros, equipamentos de informática e eletrônicos, que ganham cada vez mais espaço na preferência do consumidor online. Porém, CDs e DVDs ainda estão no topo da cadeia do e-commerce, que cresce a uma média de 40% ao ano no país, fechando 2008 com R$ 8,2 bilhões de faturamento.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s