Posts com Tag ‘Clube de Compras’

A expectativa da consultoria e-bit é que o comércio eletrônico fature R$ 20 bilhões em 2011, um crescimento de 30% em relação a 2010. Entretanto, é preciso que o empreendedor online fique atento à questão da confiabilidade nos processos de pagamento, já que, assim como toda transação virtual, há riscos, regras e prazos a serem cumpridos. De acordo com a CyberSource, o valor dos golpes em transações on-line no mundo está em torno de US$ 10 bilhões ao ano – no mercado brasileiro o total supera US$ 500 milhões. E, se o site não transmitir confiança ao consumidor virtual logo na primeira venda, certamente, sua credibilidade ficará prejudicada.

“Apesar das diversas ferramentas disponíveis hoje para assegurar proteção ao consumidor, muitos sites desconhecem ou ignoram estes processos de segurança. Consequentemente, o consumidor acaba se sentindo inseguro em efetivar sua compra pela internet”, afirma Robson Tavarone, sócio e diretor comercial do site de compras coletivas Ótima Oferta, que permite ao consumidor acesso a todas as normas do site e ao valor dos descontos. O pagamento é realizado por meio da operadora Pagamento Digital, pois, dessa forma, caso a oferta não atinja o número mínimo de compradores, o site irá ressarcir o consumidor que já havia efetuado o pagamento.

“Além disso, a Pagamento Digital não repassa dados financeiros aos vendedores, garantindo proteção ao consumidor, já que, de posse desses dados, o fraudador pode roubar a identidade do consumidor e efetuar compras em seu nome.” Outra vantagem, segundo ele, é que, ao realizar uma compra on-line em uma loja credenciada, existe a opção de bloquear o pagamento, caso o consumidor não receba o produto em até 14 dias.

Garantia de sigilo é essencial para a segurança da operação

Para evitar eventuais problemas nas transações financeiras, Robson Tavarone aponta as seguintes dicas:

Proteja os dados financeiros do cliente: Para garantir sigilo nos dados confidenciais, como números de cartões de crédito, aposte na tecnologia SSL, que exige que uma conexão segura seja negociada entre o navegador do cliente e o servidor web de uma empresa. Depois dessa negociação, todas as comunicações de dados são criptografadas com as chaves de 56 bits (alta) ou 128 bits (muito alta) – está última, utilizada pelo Ótima Oferta.Proteja as informações pessoais do cliente: Além de proteger dados financeiros, é essencial que o site armazene as informações pessoais do cliente em um banco de dados seguro.Disponibilize no site todas as informações necessárias ao cliente: Facilite ao cliente o acesso à política de privacidade, às normas do site e às informações quanto à entrega, troca e devolução.Ofereça diversos meios de pagamento: Permitir que o cliente efetue o pagamento por meio de cartão de crédito, saldo virtual, boleto bancário e transferência on-line transmite tranquilidade e maior confiança.Disponibilize canais de contato: Ofereça diferentes opções de contato do cliente com o site como telefone, chat, e-mail e redes sociais. Permita que o cliente escolha qual a melhor forma de contatar a empresa.
Ao desenvolver um projeto para sites de compras coletivas, leve essas dicas em consideração.

Fonte: E-Commerce News

Projeto de Lei define critérios de comercialização para sites e parceiros
31/05/2011 12:42

O Projeto de Lei (PL) 1232/2011, do deputado federal João Arruda (PMDB/RJ), propõe regulamentar as compras coletivas e definir critérios de comercialização tanto para os sites que atuam com esta modalidade do comércio eletrônico como para os estabelecimentos que realizam parcerias comerciais com os sites. Dentre as exigências sugeridas na proposta estão a obrigatoriedade de as empresas indicarem no site ou no anúncio de ofertas a quantidade mínima de compradores para a concretização da venda; o prazo do comprador para usufruir da oferta; o endereço e telefone da empresa responsável; entre outras.

Para Robson Tavarone, sócio e diretor comercial do site de compras coletivas Ótima Oferta, o projeto será uma excelente oportunidade para tornar a atividade ainda mais atrativa aos estabelecimentos comerciais, já que, hoje, muitos dos envolvidos neste negócio ainda não têm seus processos bem alinhados e preparo para lidar com a estratégia, gerando insatisfação tanto por parte do consumidor como da empresa que estabelece a parceria comercial com o site.

“O projeto promete impor normas que serão decisivas para orientar os sites e os estabelecimentos a utilizarem a compra coletiva da forma mais produtiva possível, seguindo à risca seus procedimentos de modo a deixar todas as partes envolvidas beneficiadas e satisfeitas. Neste sentido, temos orgulho pelo fato de o Ótima Oferta estar totalmente adequado às normas do PL 1232/2011, já que sempre primamos pela excelência na prestação de nossos serviços”, afirma Tavarone.

Muito se tem falando em Compras Coletivas nos últimos meses, mas a pergunta que não quer calar é: Veio realmente para ficar? Ou é apenas mais uma febre da internet?

A resposta é bem simples e categórica! Não só veio para ficar como já é uma realidade no Brasil, como já é no Exterior!

As compras coletivas caíram realmente no gosto do povo brasileiro, porque já é nosso costume brigar e “chorar” por descontos em todas as compras que fazemos.

A realidade das compras coletivas é tão grande em nosso país, que grandes empresas e pessoas famosas estão desenvolvendo ou entrando em sociedade a essas empresas. Entre esses casos podemos citar o apresentador Luciano Huck que comprou 5% do Peixe Urbano.

Também temos o caso do Google que tentou comprar o site número 1 do mundo nesse segmento, que é o Groupon, por US$ 6 bilhões de Dólares. Tendo a empresa recusado a oferta, querendo assim manter a linha e postura de estratégia que atua desde o início.

Nós da Agência Vibe, que também temos uma visão muito realista desse segmento de mercado do Comércio Eletrônico, também estamos apostando nossas fichas nesse segmento. Aonde lançaremos no dia 05/01/2011 nacionalmente o site de compras coletivas www.OtimaOferta.com.br, com o diferencial de atendermos aos usuários como atendemos hoje aos clientes da agência. Com muito carinho e dedicação. Tanto que nossos consultores da área comercial somente estão trazendo Ofertas de Verdade para todos.

Os números não mentem, já é público e notório que esse segmento está a todo o vapor e a cada dia crescendo mais. O que vejo nesse segmento daqui para frente é justamente cada uma das grandes empresas como a nossa em um futuro muito breve começar a apostar em Nichos de Mercado. Criando Sub-Sites por assim dizer com ofertas geradas somente dentro daquele tipo de segmento. Um exemplo é criar um Sub-site aonde será ofertado somente Clínicas de Estéticas, SPAS etc…

Sendo assim o próprio consumidor ficará muito atento aquele tipo de oferta que está exposta e será muito mais fácil dele poder achar nessa imensidão da WEB o que ele realmente procura.

Um bom exemplo é que hoje já existem sites que já estão anunciando os produtos em um Funil para a cidade de São Paulo dividindo a mesma em Blocos por Zona de atuação.

Quem sai ganhando com toda essa inovação é o consumidor que irá comprar produtos ou serviços de qualidade a preços inacreditáveis. Não perca a oportunidade de visitar o site do Ótima Oferta em janeiro. www.OtimaOferta.com.br